sexta-feira, 9 de setembro de 2011

PERDOAR PARA SER PERDOADO


Jefferson Magno Costa

     Um taxista chegou em casa e chamou sua esposa para ver o belo taxi que ele havia comprado. Custara todo o dinheiro que conseguira economizar em 10 anos trabalhando para os outros. Agora o taxista seria seu próprio patrão.
     Voltou para dentro de casa e em seguida ouviu alguém batendo com um martelo na lataria do seu carro novo.
     Correu e viu seu filhinho de 4 anos martelando o capô do taxi. Possesso pela ira, o taxista arrancou o martelo da mão do menino, estendeu a mãozinha da criança sobre o capô e deu-lhe várias marteladas. O menino desmaiou.
     A mãe socorreu a criança. O pai colocou-os dentro do taxi e os levou para o hospital. A cirurgia durou várias horas. Apesar de todos os esforços, três dedinhos da mão direita da criança tiveram de ser amputados.
     Ao acordar, e já sabendo o que acontecera com seus dedos, o menino olhou para o pai, sorriu e disse:
     — Papai, me perdoe. Eu só estava consertando o seu carro, como você me ensinou. Não fique bravo comigo!
     Sentindo o coração despedaçado, o pai abraçou o filho e disse que ele esquecesse aquilo, pois o capô do taxi seria facilmente consertado.
     — Então você não está mais bravo comigo, papai? — perguntou a menino, radiante.
     — Não, meu filho.
     — Então, papai, já que você me perdoou, quando é que meus dedinhos vão nascer de novo?
     Prezado leitor: O que fazemos ou dizemos pode ferir ou machucar profundamente as pessoas a quem amamos, ou as pessoas com quem não temos nenhum laço afetivo.
     Se você alguma vez foi profundamente ferido por alguém, perdoe a quem lhe ofendeu. Para nós alcançarmos o perdão de Deus, devemos antes perdoar. Foi Jesus quem ensinou isto:
     “Porque se perdoardes aos homens as suas ofensas, vosso Pai celestial vos perdoará a vós. Se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai não vos perdoará as vossas ofensas” (Mateus 6.14,15).
      E se alguma vez você feriu alguém, arrependa-se e peça perdão à pessoa a quem você ofendeu, e a Deus. É mandamento dele: “Mas Deus, não levando em conta os tempos da ignorância, manda agora que todos os homens em todos os lugares se arrependam” (Atos 17.30). “Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos de refrigério pela presença do Senhor” (Atos 3.19).
      Fale com Jesus. Peça-lhe coragem e forças para perdoar. E também peça perdão. Entregue sua vida a Ele. Para você obter ajuda na liberação do perdão, procure uma igreja evangélica.


Jefferson Magno Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

(Clique na imagem)

(Clique na imagem)

Visitantes recentes

Top 10 Members

.

.