segunda-feira, 31 de outubro de 2011

DEZ PROVAS DE QUE O MESSIAS PROFETIZADO AOS JUDEUS É O MESMO JESUS DOS CRISTÃOS


Jefferson Magno Costa

     Ajude um judeu a ter um encontro de salvação com Jesus. Apresente-lhe estas dez provas de que o Messias esperado até hoje pelo povo judeu já veio ao mundo, e é o mesmo Jesus Cristo em quem os evangélicos creem, e a quem servem.
     Apresente-lhe dez profecias messiânicas do Antigo Testamento, e prove-lhe com o Novo Testamento que elas se cumpriram unicamente em nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. 


1a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS TERIA A UNÇÃO ESPECIAL DO ESPÍRITO SANTO
     Coube ao profeta Isaías profetizar, cerca de sete séculos antes do nascimento de Jesus Cristo, que o Messias teria sobre si o Espírito de Deus:
     “Repousará sobre ele o Espírito do Senhor, o Espírito de sabedoria e de entendimento, O Espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do Senhor” (Isaías 11.2).
     Mais adiante, no capÍtulo 42, versículo 1, o Senhor diz: “Eis aqui o meu servo, a quem sustenho; o meu escolhido, em quem a minha alma se compraz: pus sobre ele o meu Espírito, e ele promulgará o direito para os gentios.”


1a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
     Assim está escrito no relato do batismo de Jesus: “Batizado Jesus, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba, vindo sobre ele. E eis uma voz dos céus, que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo” (Mateus 3.16,17). Veja também Marcos 1.10,11; Lucas 4.15-21.


2a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS TERIA ZELO PELO TEMPLO DO SENHOR
     No salmo messiânico 69, versículo 9, assim diz o Messias: “Pois o zelo da tua casa me consumiu, e as injúrias dos que te ultrajam caem sobre mim.”


2a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
     Jesus Cristo, o Messias, zeloso pelas coisas de Deus, purificou o Templo, em cumprimento do que estava escrito a seu respeito:
     “E encontrou no Templo os que vendiam bois, ovelhas, e pombas, e também os cambistas assentados; tendo feito um azorrague de cordas, expulsou a todos do templo, bem como as ovelhas e os bois, derramou pelo chão o dinheiro dos cambistas, virou as mesas e disse aos que vendiam as pombas: tirai daqui estas cousas; não façais da casa de meu Pai casa de negócio” (João 2.14-16).


3a. PROFECIA: UM MENSAGEIRO ANUNCIARIA A VINDA DO VERDADEIRO MESSIAS
     Tanto o profeta Isaías (mais de 700 anos antes do nascimento do Messias), como o profeta Malaquias (mais de 400 anos antes do nascimento do nosso Salvador, o Messias, Jesus Cristo) profetizaram sobre alguém que viria para preparar o caminho do Senhor. Isaías 40.3:
     “Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor; endireitai no ermo vereda ao nosso Deus”. Malaquias 3.1: “Eis que eu envio o meu mensageiro que preparará o caminho diante de mim; de repente virá ao seu templo o Senhor, a quem vós buscais, o anjo da aliança, a quem vós desejais; eis que ele vem, diz o Senhor dos Exércitos”.


3a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
     “Naqueles dias apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia, e dizia: "Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus” (Mateus 3.1,2). Em João 1.19-23, vemos que os sacerdotes e levitas interrogaram João Batista para saber quem ele era:
    “Disseram-lhe pois: Declara-nos quem és, para que demos respostas àqueles que nos enviaram; que dizes a respeito de ti mesmo? Então ele respondeu: Eu sou a voz do que clama no deserto: endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías”.
     João Batista foi, portanto, o mensageiro anunciador da vinda de Jesus Cristo, o Messias que havia de vir (Mateus 3.11,12; João 1.29-31).


4a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS INICIARIA O SEU MINISTÉRIO NA GALILEIA
     Falando sobre o nascimento e o reino do Príncipe da Paz – Jesus Cristo, o Messias -, o profeta Isaías revelou profeticamente (mais de sete séculos antes do fato acontecer) onde o nosso Salvador iniciaria seu ministério: “Mas para a terra que estava aflita não continuará a obscuridade; Deus nos primeiros tempos tornou desprezível a terra de Zebulom e a terra de Naftali; mas nos últimos tornará glorioso o caminho do mar, além do Jordão, Galileia dos gentios” (Isaías 9.1).


4a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
      A confirmação da profecia de Isaías em Jesus Cristo está em Mateus 4.12,13,17: “Ouvindo, porém, Jesus que João fora preso, retirou-se para a Galileia; e, deixando Nazaré, foi morar em Cafarnaum, situada à beira-mar, nos confins de Zebulom e Naftali; (...) Daí por diante passou Jesus a pregar e a dizer: Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus.”


5a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS ENTRARIA EM JERUSALÉM MONTADO EM UM JUMENTINHO
      Zacarias iniciou o seu ministério profético 520 anos antes do nascimento de Jesus Cristo. Humanamente falando, era totalmente impossível ele saber se o Messias entraria ou não em Jerusalém, e em que circunstâncias entraria. Porém, assim escreveu o profeta:
      “Alegra-te muito, ó filha de Sião; exulta, ó filha de Jerusalém: eis aí te vem o teu Rei, justo e salvador, humilde, montado em jumentinho, um jumentinho, cria de jumenta” (Zacarias 9.9).


5a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
      “E indo os que foram mandados, acharam segundo lhes dissera Jesus. Quando eles estavam soltando o jumentinho, seus donos lhes disseram: Por que o soltais? Responderam: Porque o Senhor precisa dele. Então o trouxeram e, pondo as suas vestes sobre ele, ajudaram Jesus a montar. Indo eles, estendiam no caminho as suas vestes. E quando se aproximava da descida do monte das Oliveiras, toda a multidão dos discípulo passou, jubilosa, a louvar a Deus em alta voz, por todos os milagres que tinham visto, dizendo: Bendito é o Rei que vem em nome do Senhor!...”(Lucas 19.32-38).


6a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS ENTRARIA NO TEMPLO
      O livro do profeta Malaquias foi escrito mais de 400 anos antes do nascimento de Jesus Cristo; porém, em uma de suas profecias messiânicas, lemos: “... de repente virá ao seu templo do Senhor, a quem vós buscais...” (Malaquias 3.1b).
      Tanto Malaquias 3.1, como Daniel 8.26 revelam que o Messias viria antes da destruição do Templo. (Quando Jesus Cristo nasceu, o Templo em Jerusalém ainda estava de pé. Porém, Cristo profetizou que “não ficaria pedra sobre pedra”, Mateus 24.1,2.
      Esta profecia se cumpriu no ano 70 d.C., quando o general romano Tito e suas tropas o destruíram, e até hoje ele não foi reconstruído. Esta é mais uma das irrefutáveis provas de que Jesus Cristo é o Messias que havia de vir!)


6a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
      Isto aconteceu com Jesus Cristo: “Tendo Jesus entrado no templo...” (Mateus 21.12).


7a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS REALIZARIA MILAGRES
     Esta foi outra grande profecia messiânica de Isaías, ao falar sobre o reinado do justo Rei (Isaías 32.3,4). Não haveria dúvidas quanto aos seus milagres: “Então se abrirão os olhos dos cegos, e se desimpedirão os ouvidos dos surdos; os coxos saltarão como cervos, e a língua dos mudos cantará...” (Isaías 35.5,6).


7a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
      Os milagres realizados por Jesus Cristo durante o seu ministério maravilharam todo o povo da Palestina (Mateus 9.32,33). A notícia de que o Messias era chegado e estava entre o povo de judeu realizando milagres corria de cidade em cidade:
     “E percorria Jesus todas as cidades e povoados, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino e curando toda sorte de doenças e enfermidades” (Mateus 9.35).
      Àqueles que duvidavam se Jesus era ou não o Messias que havia de vir, Jesus respondia mencionando os milagres que estavam sendo por Ele realizados:
      “Quando João ouviu no cárcere falar das obras de Cristo, mandou por seus discípulo perguntar-lhe: És tu aquele que estava para vir, ou havemos de esperar outro? E Jesus, respondendo, disse-lhes: Ide, e anunciai a João o que estais ouvindo e vendo: Os cegos veem, os coxos andam, os leprosos são purificados, os surdos ouvem, os mortos são ressuscitado, e aos pobres está sendo pregado o evangelho” (Mateus 11.2-5).


8a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS USARIA PARÁBOLAS NOS SEUS ENSINAMENTOS
      No salmo 78, versículo 2, lê-se a seguinte passagem profético-messiânica: “Abrirei os meus lábios em parábolas, e publicarei enigmas dos tempos antigos”.


8a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
      Mateus 13.3,4: “Todas estas coisas disse Jesus às multidões por parábolas, e sem parábolas nada lhes dizia...”


9a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS SERIA CHAMADO DE SENHOR
      No Salmo 110, escrito por Davi sobre o reino e o sacerdócio do Messias, leem-se as seguintes palavras proféticas: “Disse o Senhor ao meu Senhor: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos debaixo dos teus pés” (Salmo 110.1).


9a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
      Quando Jesus nasceu, um anjo anunciou aos pastores em Belém: “...É que hoje vos nasceu na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor” (Lucas 2.11).
      Para deixar bem claro aos escribas e saduceus que Ele, Jesus Cristo, apesar de humanamente descender do rei Davi, estava acima dele como Rei dos reis e Senhor dos senhores, Jesus perguntou a esses homens:
     “Como podem dizer que o Cristo é filho de Davi? Visto como o próprio Davi afirma no livro dos Salmos: Disse o Senhor ao meu Senhor: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos por estrado dos teus pés. Assim, pois, Davi lhe chama Senhor, e como pode ser ele seu filho?” (Lucas 20.41-44).


10a. PROFECIA: O VERDADEIRO MESSIAS SERIA CAHAMADO DE "EMANUEL" ("DEUS CONOSCO")
      Esta foi mais uma profecia messiânica de Isaías (7.14): “Portanto, o Senhor mesmo nos dará sinal: Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, e lhe chamará Emanuel”.


10a. PROVA: CUMPRIMENTO DESTA PROFECIA EM JESUS CRISTO
      Durante o relato do nascimento de Jesus, o evangelista Mateus comentou: “Ora, tudo isso aconteceu, para que se cumprisse o que fora dito pelo Senhor por intermédio do profeta: Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, e ele será chamado pelo nome Emanuel (que quer dizer: Deus Conosco).”
      Eis, portanto, dez provas de que o Messias profetizado no Antigo Testamento é o mesmo Jesus a quem nós, os evangélicos, confessamos como Salvador e servimos. Em Jesus Cristo, tudo o que os profetas profetizaram sobre o Messias teve o seu fiel cumprimento.
Jefferson Magno Costa

4 comentários:

  1. ...tio lembra de mim?..Wladimir, filho de Neide e Adilson, minha irmã se chama Elisangela; estão morando lá em Natal.

    ResponderExcluir
  2. Sim, claro que lembro. Só que você não é meu sobrinho, e sim meu primo. Está morando no Rio?

    ResponderExcluir

(Clique na imagem)

(Clique na imagem)

Visitantes recentes

Top 10 Members

.

.